Santa Catarina dá início à colheita do arroz com lançamento de novo cultivar

Segundo maior produtor nacional de arroz, Santa Catarina abre a colheita do grão com o lançamento de novo cultivar. É o SCS 125 da Epagri, que foi apresentado aos produtores nesta sexta-feira, 19, durante o Dia de Campo da Cooperativa Regional Agropecuária Vale do Itajaí (Cravil), em Rio do Sul. O evento contou com a presença do secretário de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural, Altair Silva, e fez parte também das comemorações de 50 anos da Cravil.

"A abertura da colheita do arroz representa um marco para o agronegócio catarinense, um dia a ser celebrado. É o resultado de um trabalho coletivo que envolve produtores rurais, cooperativas, Governo do Estado e nossos técnicos e pesquisadores da Epagri. Comemoramos ainda o lançamento de um novo cultivar de arroz irrigado com características de alto índice de produtividade, que foram observadas já nas primeiras colheitas. Isso demonstra que o setor produtivo vem inovando, buscando novas tecnologias e aumentando cada vez mais a qualidade e produtividade em nossas lavouras", destaca o secretário Altair Silva.



O SCS 125 é 33º cultivar lançado em Santa Catarina e foi desenvolvido pela Estação Experimental da Epagri em Itajaí (EEI) - referência nacional em pesquisa pública com o grão. Entre as principais características deste arroz estão o alto potencial produtivo, boa qualidade de grãos, ciclo longo (tardio), resistência ao acamamento e bom nível de sanidade geral.

Segundo a presidente da Epagri, Edilene Steinwandter, o lançamento é mais uma prova da excelência catarinense nas pesquisas voltadas à cadeia produtiva de arroz. “Tanto esse, quanto nossos outros cultivares do grão, foram desenvolvidos pensando nas necessidades dos rizicultores catarinenses e buscam oferecer mais produtividade e sustentabilidade nas lavouras. O resultado desse trabalho se vê no campo, com Santa Catarina se firmando cada vez mais como um dos maiores produtores de arroz do Brasil”, declara.

Sanidade como diferencial produtivo

O engenheiro agrônomo da Agrogiusti, Edivani E. Coelho, já começou a plantar o SCS125 nos campos da empresa produtora de sementes de arroz e os resultados são promissores. A sanidade é um dos destaques.

De acordo com o engenheiro agrônomo, mesmo com condições climáticas favoráveis ao surgimento de doenças, com dias nublados e chuvosos, o material manteve a qualidade em relação a outros cultivares produzidos na empresa “A avaliação do desempenho do cultivar até o momento é muito boa, estamos muito satisfeitos, a expectativa é boa com relação à produtividade, sanidade e qualidade da semente”, relata.

Safra de arroz em Santa Catarina

Santa Catarina espera colher 1,18 milhão de toneladas de arroz nesta safra em 7,9 mil hectares plantados. A produção está concentrada na região de Araranguá, principalmente nos municípios de Turvo e Meleiro.

O arroz se tornou ainda um importante item na pauta de exportações catarinense. Em 2020, os embarques aumentaram mais de 600% em relação ao ano anterior, totalizando US$20,4 milhões em faturamento e 48,2 mil toneladas vendidas. Os principais compradores do arroz produzido no estado foram África do Sul, Guatemala e Senegal.

PORTAL DX - O melhor da informação da Região Oeste de Santa Catarina Santa Catarina dá início à colheita do arroz com lançamento de novo cultivar Segundo maior produtor nacional de arroz, Santa Catarina abre a colheita do grão com o...
Postado em 07 de Dezembro de 2018 às 09h07

Xaxim investe R$ 164 mil no ano em reformas residenciais

Recursos foram investidos através da Secretaria municipal de Assistência Social e Habitação

Com o objetivo de melhorar a qualidade de vida das famílias xaxinenses por meio de pequenas melhorias residenciais, que são necessárias tanto para a proteção da família quanto para sanar problemas que não poderiam ser resolvidos devido à baixa renda dos moradores, a Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação de Xaxim presta apoio àqueles que procuram pelos serviços. Além disso, eventos climáticos que aconteceram em julho e outubro, como queda de granizo, ventos fortes e chuva concentrada, destelharam casas e ameaçaram a segurança. Por isso, neste período, a utilização de recursos públicos se fez ainda mais constante. 

De acordo com a Diretora da Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação, Eliete Gabiatti, “neste ano foram gastos pouco mais de R$ 164 mil, de recursos próprios, em benefício de 125 famílias para fins de reforma de residenciais. Estamos prestando contas à nossa comunidade para que todos tenham conhecimento do trabalho realizado pela Secretaria e, consequentemente, da destinação dos recursos públicos municipais”. 

Além disso, a Diretora Eliete esclareceu que “o Programa Cartão Reforma, lançado no ano passado pelo Governo Federal, não terá mais andamento por falta de recursos federais. Sendo assim, as mais de 100 famílias xaxinenses cadastradas para reformas de residências de pessoas de baixa renda não terão mais acesso às mesmas. Sentimos muito por isso, mas, infelizmente, é uma decisão nacional e que não compete a nós enquanto município”, finalizou.

Veja também

Presidente da AMAI assina convênio com Projeto Recuperar02/08/19 A presidente da AMAI e prefeita de São Domingos, Eliéze Comachio, assinou na tarde de ontem (01), em evento em Florianópolis, o termo de abertura do Programa de Transferência do Projeto Recuperar, que tem por objetivo realizar o repasse financeiro para manutenção e recuperação rotineira da malha viária estadual. Para execução do projeto a......
Prefeitura de Marema vai pavimentar ruas com recursos próprios14/08/19 Moradores das ruas beneficiadas com reperfilagem asfáltica foram recebidos na manhã desta quarta-feira (14), no gabinete do Prefeito Adilson Barella. O objetivo do encontro foi lançar o Programa Avançar Marema. Nesta primeira......
44ª Semana da Enfermagem do HRSP atualiza conhecimentos da equipe20/05/19 A última semana foi voltada à atualização dos profissionais da enfermagem do Hospital Regional São Paulo, com a 44ª edição da Semana da Enfermagem. Uma série de palestras e oficinas foi organizada......

Voltar para Cidades