Postado em 15 de Fevereiro às 15h49

A semana do tiro no pé I

JOIMARA (38)

Quando se resolve tomar uma decisão que vai impactar a sociedade, é preciso muita cautela e, muitas vezes, nem ela ajuda. Nesta semana, os pais começaram “pê da vida” com a Secretaria de Educação de Xanxerê porque decidiram mudar o horário de funcionamento das creches, passando de até às 18h para 17h30. Era lógico e claro que a chiadeira ia ser imensa. Sobrou para quem interver? A promotoria, que após reunião fez a administração voltar atrás e passar a oferecer o serviço no horário que sempre fez.

Tiro no pé II
O vereador Wilson Martins dos Santos ou não apurou bem a informação ou tem uma bola de cristal, pois divulgou em tribuna na Câmara, que a empresa Flex de Xanxerê estaria para fechar suas portas, com mudança para Chapecó. Em segundos a informação foi disseminada mais que poeira ao vento, trazendo muita preocupação para os quase mil trabalhadores da empresa. Um dos diretores da empresa fez questão de entrar ao vivo na rádio local e dizer que a informação era mentirosa e que a empresa, após tantos investimentos, não pensa em sair da cidade.

O mais votado
Agora o tucano Wilson Martins dos Santos, pode até dar alguma bola fora (isso só o tempo vai confirmar), mas que tem caído no gosto do povo, isso tem. Pesquisa feita pelo Portal DX (www.portaldx.com.br), dessas de entrar online e escolher um nome, entre dez citados, com a participação de mais de 300 pessoas, Martins dos Santos ganha disparado na opinião do público, seguido de Adriano De Martini e Alexandre Badotti.

No loteamento não querem não
Moradores do Loteamento Bem Morar, localizado próximo a Eletrosul, querem saber por que tem vereador querendo instalar o Centro de Triagem de materiais recicláveis naquele bairro. Até o momento, o que se sabe é que o Centro de Triagem ainda não tinha local definido, após ter sido negada sua instalação no Bairro Nossa Senhora de Lourdes e Invernadinha. A informação que vem dos moradores do loteamento é de que as forças estão sendo feitas para que o Centro seja instalado lá e que o vereador estaria buscando isso. Será mesmo?

Mas e como fica?
Na verdade, infelizmente, o que tem se sentido desde que começou essa história de Centro de Triagem de material reciclável é que ninguém o quer por perto. Talvez por exemplos antigos, onde as associações de catadores não tinham cuidado e transformavam, além do espaço, o seu entorno, em um depósito de lixo. Agora o que se precisa é encontrar um local adequado para todos.

O povo está sentindo falta
Sim, do sino da igreja matriz tocar. Faz uma semana que para quem estava acostumado, e até mesmo percebia as horas pelo badalar do sino, não o ouve mais. O motivo é que foi necessária a troca da instalação elétrica da igreja, pois foram instalados climatizadores e a mudança também mexeu com o sistema elétrico do sino. Em breve, poderemos ouvi-lo tocar novamente.
 

Veja também

Reforma administrativa11/03 A reforma administrativa proposta pela Prefeitura de Xanxerê pode não ser o que parece. Alguns vereadores questionam se a referida reforma vai gerar realmente economia aos cofres públicos. Na teoria a intenção da proposta......

Voltar para Colunistas