Postado em 14 de Maio às 08h16

Badesc vai investir mais de R$ 58 milhões em municípios de SC

Portal DX - O melhor da informação da Região Oeste de Santa Catarina Presidente do Badesc, Eduardo Machado (foto: Divulgação) A Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc) vai investir R$ 58,7...

Presidente do Badesc, Eduardo Machado (foto: Divulgação)

A Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc) vai investir R$ 58,7 milhões em municípios que apresentam alta evasão populacional e baixo repasse de recursos do IPM, entre outros índices de desenvolvimento. Neste primeiro momento, 46 municípios foram classificados no Protocolo de Intenções para financiar projetos pelo Programa Badesc Cidades. Eles têm até 31 de maio para entregar toda a documentação financeira na Agência.

A maior parte dos municípios está localizada na região Oeste (38%), seguida das regiões Norte (23,8%), Vale do Itajaí (14,2%), Serrana (11,6%), Sul (7,1%) e Grande Florianópolis (5,3%). Segundo o presidente do Badesc, Eduardo Machado, a classificação dos municípios seguiu critérios técnicos para pontuação.

Machado destaca que as novas regras têm como objetivo aprimorar a eficiência da aplicação de recursos pelo Programa e reduzir as desigualdades regionais com a ampliação na capacidade de atendimentos. “Queremos que todos os municípios, sejam eles de pequeno, médio ou grande porte, tenham condições de contratar financiamento. Neste primeiro momento atenderemos esses 46 e a medida em que a dotação orçamentária do Programa for reposta queremos viabilizar o atendimento a novos municípios”, afirma.

Do total de R$ 58.780.000,00, o Oeste receberá investimentos na ordem de R$ 22,3 milhões, o Norte R$ 14 milhões, o Vale do Itajaí R$ 8,3 milhões, a Serra R$ 6,8 milhões, o Sul R$ 4,2 milhões e a Grande Florianópolis R$ 3,1 milhões. Os valores serão divididos pelos municípios de acordo com o projeto contratado.

A lista de municípios contemplados nesta primeira etapa pode ser conferida em www.badesc.gov.br. Nos últimos cinco anos, foram atendidos pelo Programa 241 municípios, o que gerou investimentos na ordem de R$ 567 milhões na economia catarinense.

 

Veja também

Jovens brasileiros lideram abertura de MEI no setor do comércio18/12/18 Levantamento traçou o perfil dos consumidores que se tornaram microempreendedores individuais entre janeiro e setembro de 2018. Pessoas de 41 a 50 anos preferiram apostar na indústria....

Voltar para Economia