Postado em 23 de Abril às 07h57

Chapecó agora só tem uma ligação aérea com Florianópolis

PORTAL DX - O melhor da informação da Região Oeste de Santa Catarina Em razão de crise que enfrenta nos últimos anos, a Avianca Brasil deixou nesta segunda-feira (22) de operar no Aeroporto Serafim Bertaso, de Chapecó,...

Em razão de crise que enfrenta nos últimos anos, a Avianca Brasil deixou nesta segunda-feira (22) de operar no Aeroporto Serafim Bertaso, de Chapecó, suprimindo assim a ligação aérea que operava na rota Chapecó-Florianópolis. A Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) lamenta que, por enquanto, apenas uma empresa (a Azul) fará a ligação Chapecó-Florianópolis, devendo a GOL iniciar em 15 de maio uma rota com a Capital do Estado.

A Avianca começou nesta segunda-feira a devolver mais oito aviões de sua frota às empresas de leasing proprietárias das aeronaves. Ao todo, 18 aeronaves (das 25 em operação) serão devolvidas a essas empresas. Outras três ainda estão em negociação.

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informa que as devoluções cumprem decisões judiciais, atendendo pedido das empresas de leasing. Algumas devoluções estão sendo feitas gradualmente, de forma a mitigar os efeitos para os passageiros que viajaram no feriado de Páscoa.

Por determinação da Anac, a companhia terá de adequar sua malha aérea, seu sistema de venda de passagens e dar ampla divulgação dos voos cancelados de forma a minimizar o impacto pela retirada das aeronaves.

Em sua página na internet, a empresa vem informando aos passageiros o cancelamento pontual de voos, por meio de uma lista atualizada com a identificação dos voos cancelados.

De acordo com a Avianca, o serviço visa minimizar o impacto na sua operação e aos passageiros. A empresa afirma que manterá o compromisso, assumido com a Anac, de informar com antecedência mínima de 72 horas os voos que serão cancelados.

RECUPERAÇÃO JUDICIAL
No último dia 5, a assembleia de credores aprovou o plano de recuperação judicial em uma reunião que durou mais de sete horas. O plano prevê a divisão da empresa por meio da criação de sete unidades produtivas isoladas (UPIs), que serão levadas a leilão. Seis UPIs conterão partes dos direitos de pousos e decolagens (“slots”) da Avianca nos aeroportos de Congonhas, Guarulhos e Santos Dumont e uma vai englobar o programa de fidelidade da empresa.

O plano de recuperação da empresa aérea foi homologado no último dia 12 pelo juiz Tiago Henriques Papaterra Limongi, da 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo. De acordo com a decisão, a empresa permanecerá em recuperação judicial até que se cumpram as obrigações previstas no plano.

A orientação é que os passageiros busquem informações no site da empresa: https://www.avianca.com.br/-/cancelamento-de-voos-a-partir-de-abril-.

Para saber sobre direitos, os consumidores devem acessar o site da Agência Nacional de Aviação Civil: www.anac.gov.br. Reclamações também podem ser feitas na plataforma www.consumidor.gov.br.

NOVOS VOOS DA GOL EM CHAPECÓ

A administração do aeroporto de Chapecó informou que a AZUL está operando normalmente e que as novas linhas aéreas da empresa GOL começam a operar no dia 15 de maio.

· 06h saída de Florianópolis – 07h chegada em Chapecó.

· 7h30 saída de Chapecó – 8h10 chegada em Guarulhos/SP.

· 21h05 saída de Guarulhos/SP – 22h15 chegada em Chapecó.

· 22h45 saída de Chapecó – 23h45 chegada em Florianópolis.

Veja também

TRF1 cassa liminar e libera licitação do STF para compra de refeições07/05 O desembargador Kassio Marques, vice-presidente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), derrubou uma liminar (decisão provisória) concedida ontem (6) pela primeira instância da Justiça Federal para suspender um processo de licitação do Supremo Tribunal Federal (STF) para a compra de refeições, incluindo itens como filé de lagosta,......
Mega-Sena pode pagar R$ 48 milhões nesta quarta-feira (29)28/05 A estimativa da Caixa Econômica Federal para o prêmio desta quarta-feira (29) é de R$ 48 milhões.  O superintendente nacional de Loterias da Caixa, Gilson Braga, conta que pessoas têm duas formas mais convencionais......

Voltar para Economia