Postado em 22 de Janeiro de 2019 às 08h32

Jogadores do Grêmio homenagearam Bolsonaro? Entenda.

Comemoração gerou dúvidas, mas foi rapidamente explicada nas redes sociais

Após boa triangulação, Jean Pyerre enquadra o corpo e rola bola açucarada para Pepê estufar as redes do goleiro Gustavo, do Novo Hamburgo. Ato seguinte, os garotos do Grêmio se amontoam próximo à bandeira de escanteio do Estádio do Vale e comemoram com dedos a riste, como se estivesse segurando armas imaginárias, na goleada por 4 a 0, neste domingo, pelo Gauchão.

A cena chamou atenção nas redes sociais. Muitos torcedores acreditavam que a comemoração tivesse cunho político. Mas Jean Pyerre utilizou o Twitter para explicar: o gesto foi para simular o jogo eletrônico “PUBG”, mania no mundo todo. “Referente a nossa comemoração, não tem nada a ver com política, mas com o joguinho que jogamos nas concentrações, o PUBG. Vamos comemorar essa estreia maravilhosa”, publicou.

Logo após a postagem alguns dos seguidores de Jean brincaram, pedindo para que o jogador do Grêmio o adicionasse no PUBG para jogarem juntos. Outros pediram para, no futuro, a promessa tricolor faça comemorações que contenham gestos de Fortnite, outra badalada modalidade de esporte eletrônico.

Essa não é a primeira vez que jogadores de futebol comemoram um gol com referência a algum jogo. Neymar, Dedé, Antoine Griezmann e muitas outros já celebraram um tento com gestos ligados a PUBG, Fortnite e outros esports nos últimos meses.

*Com informações de ESPN e Correio do Povo

Veja também

Voltar para Esporte