Alto número de estelionato via telefone preocupa comarca de Ponte Serrada

Alto número de estelionato via telefone preocupa comarca de Ponte Serrada

Pelo menos dez casos semelhantes já foram registrados, com vítima perdendo mais de R$ 50 mil em apenas um dos crimes

Por Portal DX 09/02/2017 - 09:26 hs
Foto: (Foto: Jeferson Coppini/Oeste Mais)
Alto número de estelionato via telefone preocupa comarca de Ponte Serrada
Delegado dá dicas à população para se proteger

Ponte Serrada - A inocência da população vem preocupando a Polícia Civil da comarca de Ponte Serrada devido ao alto índice de casos de estelionato. Segundo o delegado Maiko Frank Vivi, muitas pessoas estão caindo em golpes na região.

 Os criminosos entram em contato com as vítimas através do telefone, oferecendo, na maioria dos casos, empréstimos facilitados ou publicidade. Ao aceitar a oferta e assinar o contrato enviado por e-mail ou até mesmo pelos Correios, a vítima começa a receber ameaças absurdas de negativação, processos e multas.

Pressionadas, as vítimas são convencidas a depositar quantias em contas bancárias para se livrarem do "problema". Mal sabem elas que o real problema está em efetuar esses depósitos.

Conforme o delegado, há na comarca pelo menos dez casos semelhantes registrados, com uma vítima perdendo mais de R$ 50 mil em apenas um dos crimes.

"Trabalhei em inúmeras comarcas e nunca vi algo igual. Como pode as pessoas estarem depositando dinheiro tão fácil assim?", indaga Maiko. "Tem que desconfiar quando a vantagem é demais", afirma o delegado.

Fique atento

Para não cair em golpes como os presenciados nas últimas semanas, o delegado Maiko Frank Vivi dá dicas à população:

- Desconfie de empresas desconhecidas que entram em contato através de telefone e e-mail oferecendo vantagens absurdas;

- Não assine contratos com essas empresas sem antes consultar outras pessoas;

- Caso receba ameaças para efetuar depósitos, comunique a família antes de tomar qualquer decisão;

- Denuncie os casos, comunicando a Polícia Civil.

*Jeferson Coppini/Oeste Mais