Novas vítimas de pirâmide financeira no Oeste registram B.O na Polícia Civil

De acordo com as supostas vítimas, elas teriam investido R$ 5 mil com a promessa de receber em contrapartida R$ 40 mil.

Por Portal DX 01/12/2017 - 07:20 hs

Novos boletins de ocorrência foram registrados nessa semana na Delegacia de Polícia em Concórdia/SC por vítimas de uma suposta pirâmide financeira. Entre quarta e essa quinta-feira, dia 30, foram dois registros. De acordo com as supostas vítimas, elas teriam investido R$ 5 mil com a promessa de receber em contrapartida R$ 40 mil.

A Polícia Civil deverá investigar o fato na tentativa de identificar os envolvidos no crime contra a economia popular. Em Seara, foram presas pela Polícia Civil algumas pessoas que estavam envolvidas em Pirâmides Financeiras, Sistema de Autoajuda e Giro Solidário.



Em todos os casos as vítimas são convidadas a repassar valores com a promessa de que receberiam em alguns casos até o triplo do valore investido. Entretanto, depois de um tempo as pirâmides financeiras encerram sem o repasse do valor prometido ou a devolução do montante supostamente investido pela vítima.

Nos casos mais recentes a pirâmide financeira tinha toda a estruturação feita através da internet, principalmente pelo aplicativo WhatsApp. Grupos eram criados e as “pessoas” convidadas incluídas em uma lista. No entendimento de alguns julgados judiciais, a pirâmide financeira constitui método de captação de recursos voltado para ludibriar as vítimas com promessa de ganho fácil.
Fonte: Rádio Atual