Comitiva de Cordilheira Alta prestigia posse de Pinho Moreira

Por Portal DX 19/02/2018 - 08:45 hs

O governador Raimundo Colombo (PSD) transmitiu na última sexta-feira (16), o cargo para o vice Eduardo Pinho Moreira (PMDB), depois de sete anos à frente do governo do Estado de Santa Catarina. Colombo se licenciou do cargo para fazer um curso na Espanha e depois renunciará para concorrer ao Senado nas eleições de outubro. Pinho Moreira assumirá oficialmente o governo nos próximos dez meses.

A cerimônia de posse de Pinho Moreira aconteceu no Centro de Eventos  ( Centro Sul ) em Florianópolis as 15h  contou com a presença de lideranças políticas de todo o estado.

O prefeito Municipal de Cordilheira Alta, Carlos Alberto Tozzo, acompanhado dos vereadores Jair Borsoi e Alexandro Aires (Zai), prestigiaram a posse no novo governador. Carlos Alberto comenta que é importante a participação de lideranças municipais em eventos como este, para posicionar o município onde as principais decisões do estado acontecem. “Fomos a Florianópolis numa viagem cansativa, saímos na madrugada e voltamos logo a pós o evento no mesmo dia, para prestigiar a posse do Pinho Moreira, pois é importante estarmos sempre próximos do governo. Dependemos muito das decisões do estado  e neste momento ímpar, eu representando o executivo e os vereadores Borsoi e Zai, representando a câmara, aproveitamos para levar o abraço de todo o povo de Cordilheira Alta, desejando um bom trabalho na condução dos interesses de Santa Catarina e é claro, pedindo que lembre-se sempre que possível da nossa cidade.

Antes do evento de transmissão de cargo, a comitiva cordilheiraltense aproveitou para visitar gabinetes de deputados estaduais, realizando reuniões e entregando reivindicações do município.

 

Médico, Pinho Moreira tem 68 anos, é natural de Laguna e entrou para a política em 1987. Em 2003, tomou posse pela primeira vez como vice-governador em uma chapa com Luiz Henrique da Silveira, e em 2006 assumiu como governador, quando Silveira deixou o cargo para se candidatar à reeleição. Em 2010, foi reeleito vice-governador, desta vez junto com Raimundo Colombo, e em 2014 os dois foram reeleitos.