Empresa suíça e organização ambiental escolhem Xanxerê para desenvolver projeto de eficiência na coleta seletiva

Por Portal DX 21/03/2018 - 08:35 hs

O encontro ocorreu no gabinete do prefeito, na terça-feira (20), com parte da equipe administrativa e representantes da Recicleiros, organização que se dedica ao desenvolvimento de soluções para gestão sustentável de resíduos sólidos em todo Brasil. Participou também representante da Sig Combibloc, empresa suíça voltada à tecnologia em embalagens.


O objetivo da reunião foi apresentar a administração municipal um projeto para tornar a coleta seletiva no município mais eficaz. Por isso, após realização de diagnóstico feito no fim de 2017, Xanxerê foi escolhida para a aplicação do projeto.

- Temos diversos clientes na região, e diante deste projeto, escolhemos Xanxerê para apresentar o projeto e iniciar este trabalho ambiental - salienta Isabela De Marchi, coordenadora de Sustentabilidade América, da Sig.

A reunião contou com a participação dos técnicos da Secretaria Municipal de Políticas Ambientais, que debateram aos detalhes do projeto. O prefeito Avelino Menegolla acredita na possibilidade da implantação do projeto em Xanxerê.

- Evoluímos na nossa responsabilidade quanto à destinação correta do lixo, mas precisamos avançar ainda mais e acredito que com essas parcerias, conseguiremos melhorar ainda mais - salienta.

Atuação dos Recicleiros

Os Recicleiros criam projetos capazes de encaminhar com eficiência e qualidade a maior quantidade de materiais para reciclagem, aliado a custos competitivos e desenvolvimento social. Conforme Erich Burger Netto, que integra a organização que tem sede em São Paulo, a intenção é construir uma base capaz de realizar uma coleta cada vez melhor.

- No fim do ano passado estivemos no município, onde realizamos uma visita técnica para fazer o diagnóstico. Mediante esta etapa, nos reunimos com a administração para apresentar aos técnicos os detalhes do projeto e iniciar o processo de parceria - comenta.

O grupo atua na recuperação de embalagens pós-consumo por meio da coleta seletiva com inclusão de catadores, protagonistas e viabilizadores da capilaridade necessária para vencer desafio que é a questão do lixo no Brasil. Rafael Henrique, representante do Recicleiros, destacou também que a aplicação do projeto não terá ônus para a administração, sendo implantado através de parceria com a iniciativa privada. No caso de Xanxerê, o investimento será realizado por parte da empresa suíça, Sig Combibloc.