Após usar dinheiro da mãe idosa sem autorização, filha é condenada pela Justiça de SC

Ela e a cunhada teria usado empréstimos de cerca de R$ 21 mil feito por mulher

Por Portal DX 25/06/2018 - 08:07 hs

Balneário Camboriú - A filha de uma idosa de 63 anos foi condenada por movimentar a conta bancária da mãe sem autorização em Balneário Camboriú, no Litoral Norte catarinense. A cunhada, que é sócia da filha, participou do crime e também foi condenada. As penas foram substituídas por multas que somam R$ 9 mil e prestação de serviços comunitários, segundo o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC). À decisão cabe recurso.

Conforme o MPSC, a denúncia foi apresentada pela promotoria de Balneário Camboriú. Segundo o promotor Rosan da Rocha, a vítima contraiu um empréstimo destinado para reformar a própria casa e para ajudar a filha, que tinha uma padaria junto com a cunhada.

Com a senha bancária da idosa e sem qualquer autorização, a mulher e a sócia fizeram operações bancárias e, dos cerca de R$ 21 mil de empréstimo da idosa, deixaram apenas R$ 670 na conta, segundo o MPSC.

A filha da idosa foi condenada a dois anos e sete meses de reclusão e a sócia dela a um ano e 11 meses de reclusão, ambas em regime aberto. A reclusão foi substituídas por prestação de serviços comunitários pelo mesmo tempo e pelo pagamento, de forma solidária.