Postado em 12 de Fevereiro às 16h29

Deputado Saretta sai em defesa dos produtores de leite e pede volta da barreira tarifária de importação do produto

De acordo com Saretta, a decisão do Governo Federal vai fragilizar ainda mais a cadeia produtiva do leite, já que facilitará as importações do produto de países europeus que têm preços mais competitivos do que os praticados no Brasil. 

Florianópolis - A Assembleia Legislativa aprovou uma solicitação do deputado Neodi Saretta que pede, ao Governo Federal e ao Ministro da Economia que, não seja extinto o direito antidumping aplicado às importações de leite em pó, integral ou desnatado, não fracionado, originário da Nova Zelândia e União Européia. 

De acordo com Saretta, a decisão do Governo Federal vai fragilizar ainda mais a cadeia produtiva do leite, já que facilitará as importações do produto de países europeus que têm preços mais competitivos do que os praticados no Brasil.

“A decisão de extinguir o direito de antidumping trará grandes prejuízos ao país, pois inviabilizaria a produção nacional devido ao subsídio da produção externa e o preço importação seria menor que o de produção interna. Se Hoje está difícil o produtor de leite se manter na agricultura, ficará ainda pior com essa decisão”, relata Saretta.

O deputado relatou ainda que, de acordo com a Associação Brasileira dos Produtores de Leite (Abraleite), a União Europeia tem milhares toneladas de leite em pó estocado. Com essa prerrogativa eles podem jogar o produto no mercado a qualquer preço e quebrar os produtores brasileiros, pois eles têm subsídios e custo de produção muito mais baixo.


No Brasil, 1 milhão e 170 mil propriedades rurais são dedicadas à pecuária leiteira. Santa Catarina, que é o segundo maior produtor de leite do Brasil, mais de 40 mil produtores se dedicam à atividade que tem a região oeste como a que mais produz leite no estado. Desde 2001 o Brasil exercia o direito antidumping aplicado às importações de leite em pó, integral ou desnatado, não fracionado, originários da Nova Zelândia e da União Europeia. O Brasil impôs esta medida com o aval da Organização Mundial do Comércio - OMC, com intenção de proteger o mercado interno de leite e derivados.


Dumping é uma prática comercial que consiste em uma ou mais empresas de um país vender seus produtos por preços extraordinariamente abaixo de seu valor justo para outro país. 

Veja também

Reforma vai gerar economia de R$ 1,236 trilhão em 10 anos, diz governo25/04 (Foto Isac Nobrega/PR) A economia prevista pelo governo com a reforma da Previdência pode chegar a R$ 1,236 trilhão, em 10 anos. O novo número foi divulgado hoje (25) pelo Ministério da Economia, ao apresentar o impacto detalhado da proposta de reforma. O impacto de mudanças na aposentadoria rural será de R$ 92,4 bilhões e a urbana, R$ 743,9 bilhões, em......
Bolsonaro: MP 871 vai gerar economia estimada em R$ 10 bi por ano30/05 Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (30), em sua conta no Twitter, que a Medida Provisória (MP) 871, que combate fraudes no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), deve gerar uma economia......

Voltar para Política