Postado em 25 de Abril às 11h31

Oficial - Bolsonaro decreta fim do Horário de Verão

Portal DX - O melhor da informação da Região Oeste de Santa Catarina Horário velho e horário novo, nunca mais, pelo menos por enquanto. O Presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quinta-feira decreto que acabou com o programa. Em...

Horário velho e horário novo, nunca mais, pelo menos por enquanto. O Presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quinta-feira decreto que acabou com o programa. Em vigor desde 1931, a mudança de horário foi uma estratégia do governo para gerar economia de energia, já que, durante a estação, as pessoas chegavam em casa e ligavam os chuveiros, ocasionando picos de consumo e grande desperdício. Mas o comportamento dos brasileiros mudou, e a economia já não é tão grande.
Mas devido as mudanças de hábitos, houve redução no impacto do horário de verão na redução de consumo de energia.Dados do Ministério de Minas e Energia mostram que a economia com o horário de verão vem caindo ano após ano desde 2013, quando foram poupados R$ 405 milhões. No ano seguinte, foram R$ 278 milhões, número que passou para R$ 162 milhões em 2015, e R$ 147,5 milhões em 2016.
Pelo mundo
O horário de verão é adotado atualmente em mais de 30 países, como estratégia para reduzir o consumo de energia. Em locais de climas mais definidos, com verões e invernos bem caracterizados, a mudança no relógio tem impacto maior nos gastos com energia.

Veja também

Gildomar pede abertura de rua próximo ao CEIM que está localizado na Escola Neusa Massolini26/04 Na reunião desta semana do Poder Legislativo Xaxinense, o vereador Gildomar Michelon solicitou através de requerimento aprovado por todos os vereadores, para à administração municipal estude a possibilidade para utilização da área pública localizada ao lado da E.E.B. Neusa Massolini, entre a Avenida Plinio Arlindo De Nês e Rua Renato Knoner, para......
Reforma vai gerar economia de R$ 1,236 trilhão em 10 anos, diz governo25/04 (Foto Isac Nobrega/PR) A economia prevista pelo governo com a reforma da Previdência pode chegar a R$ 1,236 trilhão, em 10 anos. O novo número foi divulgado hoje (25) pelo Ministério da Economia, ao apresentar o impacto......

Voltar para Política