Postado em 13 de Março às 11h32

Peninha toma posse como vice-líder do governo Bolsonaro

Deputado é o único catarinense escolhido para fazer o meio de campo entre governo e Congresso 

Brasília - O deputado Rogério Peninha Mendonça (MDB) integra a equipe de linha de frente do presidente Jair Bolsonaro, no Congresso Nacional. Após ter a nomeação publicada no Diário Oficial da União, o parlamentar tomou posse oficialmente na tarde de terça-feira, 12, durante cerimônia no Palácio do Planalto.

“Minha relação com Bolsonaro é de longa data. Eu ousaria até dizer que fui uma das primeiras pessoas a incentivá-lo na disputa pelo governo, e por isso me sinto também parte desse grupo. Claro que receber o convite oficialmente para integrar o time de líderes foi uma grata surpresa e farei o possível para honrá-lo com muito trabalho”, fala o parlamentar.

Peninha é o único catarinense a compor o time de sete parlamentares, escolhidos a dedo pelo presidente, e que têm a deputada Joice Hasselmann (PSL/SP) como líder. A missão deles é representar o governo federal no Congresso. O maior desafio do grupo é articulação em torno da Reforma da Previdência.

“Certamente é uma muralha que teremos que transpor. A Reforma da Previdência é uma reforma econômica, de extrema urgência e importância. A economia reflete em todos os setores do país, precisamos ser coerentes, inclusive em aprovar um texto justo para todas as classes”, conclui o vice-líder. 

Veja também

Municípios terão aumento de R$ 8 milhões para custear transporte escolar05/02 A portaria que estabelecerá os valores será publicada pela Secretaria Estadual e foi resultado de uma das primeiras ações da nova gestão da FECAM junto ao Governo do Estado, conduzidas pelo presidente da Federação em conjunto com a Undime/SC....
Governo publica decreto sobre armas; civis não podem adquirir fuzis22/05 O governo federal publicou hoje (22) novo decreto que altera regras do Decreto nº 9.785, de 7 de maio de 2019, que trata da aquisição, cadastro, registro, posse, porte e comercialização de armas de fogo no país. Em......

Voltar para Política